O prefeito de Boquira, Edmilson Rocha, teve suas contas referentes ao ano de 2011 aprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios baianos nesta quinta-feira (6).  O relator, conselheiro Fernando Vita, fez ressalvas ao exercício financeiro, aplicou uma multa de R$ 3 mil e determinou ao gestor boquirense a devolução ao cofres públicos o montante de R$ 72.152,22 . Votaram com o relator os conselheiros Raimundo Moreira, José Alfredo Rocha Dias, Francisco de Souza Andrade Netto, Paolo Marconi e Plínio Carneiro Filho.

Também nesta quinta-feira, foram apreciadas as contas da Câmara de Vereadores de Boquira, e como as do Executivo, foram aprovadas com ressalvas.

Anúncios