Após os policiais militares da Bahia decretarem greve na noite desta terça-feira (15) por tempo indeterminado, o Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região se posiciona contra a abertura das agências bancárias em toda a sua base territorial.

“A diretoria do sindicato compreende que, enquanto não houver garantias de segurança para os bancários e clientes dentro dos estabelecimentos, as atividades devem ser suspensas”, diz a entidade em nota.

O sindicato lembra ainda que a Bahia está entre os três Estados com maior número de registros de ataques a bancos. “O SEEB/VCR se solidariza com os policiais militares, que lutam por melhores condições de trabalho”, encerra o sindicato em apoio aos militares baianos.

Nesta quarta (16), atendendo a pedido do governador Jaques Wagner, começaram a chegar na Bahia tropas federais após a presidente Dilma Rousseff autorizar o envio das Forças Armadas para o estado.

O comandante da 6ª Região Militar, general Racine Bezerra Lima, assumiu o comando das operações e a Polícia do Exército (PE) já está patrulhando as ruas da capital. A primeira leva de efetivos federais, com 5 mil homens, chega ainda no decorrer desta quarta-feira (16).

Anúncios