Após duas decisões da Justiça favoráveis a cinco servidores exonerados por motivação política durante as eleições de Macaúbas, o prefeito José João Pereira (PSB) acatou a determinação do juiz Rodrigo Souza Britto e reintegrou os funcionários aos seus respectivos postos de trabalho.

Conforme publicação do Correio Macaubense em setembro, o magistrado da 65ª Zona Eleitoral, Rodrigo Souza Britto entendeu que Alzira dos Santos Leão, Rosália Aparecida da Silva, Janete Pereira dos Santos, Mariney Martins Moreno Cortes e José Joaquim Neto foram demitidos por terem posições políticas divergentes do grupo do prefeito.

Embora o decreto de reintegração seja datado de 30 de outubro, o documento só foi publicado no Diário Oficial do Município nesta sexta-feira (16).


A prefeitura foi obrigada a reintegrar os servidores após ação proposta pelo Ministério Público Eleitoral que tinha como alvos o então candidato a prefeito apoiado pela atual gestão, Neto Nogueira (PMDB), o seu candidato à vice Marcos Ricardo Figueiredo Pinto, o prefeito José João Pereira e a secretária Liane de Oliveira.

Anúncios